terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Governador participa da Procissão de Nossa Senhora da Piedade,





Milhares de pessoas foram às comemorações da Festa da Padroeira da cidade de Espírito Santo, distante 69 quilômetros da capital, na região Agreste, no dia de hoje, 2 de fevereiro, numa celebração que começa às 6h da manhã e culmina com a procissão no meio da tarde e que contou com a presença do governador Robinson Faria, que se misturou à multidão. A cidade que tem apenas 12 mil habitantes fica repleta de romeiros que vêm de localidades vizinhas e também de estados como Paraíba, Ceará e Pernambuco. Como é de costume na fé católica cristã, os romeiros costumam pagar promessas durante a procissão para Nossa Senhora da Piedade. Em se tratando das características dos fiéis devotos dela, era comum observar mulheres vestidas com túnicas azuis, levando pedras na cabeça e de pés descalços. "A fé das pessoas é algo muito bonito de se ver", observou o governador que, a certa altura da procissão, também retirou os sapatos e andou boa parte dos dois quilômetros do percurso por entre as ruas da cidade, de pés descalços.

Ao término da procissão ele participou juntamente com os deputados Galeno Torquato e Disson Lisboa de um missa campal, celebrada pelo padre Marcelo de Araújo Cunha, na Área Pastoral de Nossa Senhora da Piedade, em frente à Igreja Matriz.

Maria da Graça Silva, 55, participou da procissão na intenção de pagar uma promessa que fez à Nossa Senhora da Piedade. "Fiquei boa e nem careceu operar", afirmou ela. A mesma coisa aconteceu com Maria de Fátima Porfírio, 44, que mora em São José de Mipibu e há 25 anos não deixa de fazer o percurso em homenagem à Santa católica.
Reza a lenda que há mais de um século (algumas pessoas falaram em 120 anos, mas não há registro oficial) os moradores da cidade sofreram com uma peste que estava matando as pessoas. Um português que lá vivia pediu misericórdia à Nossa Senhora da Piedade, sob a promessa de que caso a epidemia passasse, ele traria uma imagem da Santa, que carrega o Cristo no colo, direto de Portugal. Quando as pessoas pararam de morrer, o português cumpriu a promessa e os moradores de Espírito Santo foram buscar a imagem da Santa, junto com ele, na cidade de Canguaretama, já que ela veio de navio.

Foto: Ivanízio Ramos
INFORMAÇÕES À IMPRENSA

Nenhum comentário: