terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Após assalto frustrado no RN, trio liberta reféns de banco e se entrega

A quadrilha que invadiu a agência do Bradesco em Canguaretama e fez funcionários e clientes reféns após ter um assalto frustrado pela polícia libertou todos após negociaçõa com policiais militares e civis. A ação criminosa começou por volta das 10h30 desta segunda-feira (2). Segundo a Polícia Militar do Rio Grande do Norte, mais de dez pessoas estavam no interior da agência bancária. Canguaretama fica a 78 quilômetros de Natal.

Mais cedo, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Ângelo Mário, disse que a situação estava sendo controlada e que os policiais militares estavam negociando a rendição dos suspeitos.
Ainda não se sabe exatamente quantas pessoas estão sendo feitas reféns. Os criminosos teriam exigido a presença da imprensa e de familiares, como forma de garantir a integridade física. A assessoria da Secretaria Estadual de Segurança Pública informou que oito reféns já foram liberados.
O cerco inicial foi feito pela 2ª Companhia da PM em Canguaretama, mas o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foi acionado para ir ao local. Ainda de acordo com a Sesed, o cerco policial foi feito com segurança e não houve nenhum tipo de confronto.

Nenhum comentário: