quarta-feira, 6 de maio de 2015

Henrique Alves incentiva projetos turísticos do Rio Grande do Norte


Em reunião com prefeitos e lideranças dos municípios de Santa Cruz, Patu, Fernando Pedroza e João Câmara, ministro reafirma compromisso com interiorização do turismo potiguar

O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, recebeu nesta quarta-feira (6), vários prefeitos do Rio Grande do Norte com quem discutiu a realização de projetos, alguns já em andamento, para fortalecer a turismo também no interior do estado. Henrique Alves ressaltou que projetos bem elaborados e que reforcem o turismo como atividade geradora de emprego e renda terão atenção da Pasta.

Santa Cruz
Uma dos projetos já em execução pelo Ministério do Turismo é o teleférico do Alto de Santa Rita, em Santa Cruz,  que desponta como o principal destino do turismo religioso no Rio Grande do Norte. A obra de ligação entre a matriz e a estátua da santa já foi iniciada pelas estações de embarque e desembarque. A prefeita Fernanda Costa, que estava acompanhada do deputado Tomba Farias (PSB), também discutiu a inclusão da segunda etapa do projeto (aquisição das cabines de passageiros) no orçamento do ministério do próximo ano. A previsão é que a obra seja inaugurada na festa da padroeira de 2016.

Outra obra que depende da liberação de recursos do Ministério do Turismo para que seja inaugurada é a Praça da Bíblia, no centro da cidade. A estrutura, em fase de conclusão, dispõe de anfiteatro e espaço para eventos voltados para o público evangélico, como a cerimônia de batismo coletivo.

Fernando Pedroza
No encontro com Henrique Alves, o prefeito Daniel Pereira apresentou proposta para a construção do teleférico do Pico do Cabugi. O projeto já foi discutido em audiências públicas realizadas em Fernando Pedroza e Angicos, municípios que dividem a área do  Parque Ecológico do Cabugi, um dos monumentos naturais do Rio Grande do Norte e símbolo da região central do estado.

O Pico do Cabugi é uma formação geológica (vulcão extinto) em forma de cone situado na margem da BR-304. Pela rodovia passam anualmente 1,6 milhão de pessoas. O atrativo natural está equidistante de Natal e Mossoró e na metade do caminho entre Recife e Fortaleza.

Daniel Pereira também pediu a liberação de recurso previstos no orçamento do ministério para a urbanização da Pedra do Sapo e das praças da Matriz e  Fabrício Pedroza.

Patu
O secretário de finanças de Patu, Rivelino Câmara, apresentou ao ministro Henrique Alves um projeto orçado em R$ 9 milhões para desenvolver o turismo religioso e de esportes radicais na cidade. A proposta inclui a construção de uma rampa de voolivre, na serra do Lima, e a ligação entre o local para salto de asa delta e o santuário de Nossa Senhora dos Impossíveis, no alto da serra. O santuário é um dos principais destinos turísticos do interior do Rio Grande do Norte. Rivelino estava acompanhado do deputado Walter Alves (PMDB).

João Câmara
Durante a audiência, o ministro Henrique Alves também recebeu a visita de cortesia do prefeito de João Câmara, Ariosvaldo Targino (Vavá).


Fotos: Paulino Menezes

Assessoria de Imprensa
Ministério do Turismo

Nenhum comentário: