quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Poeta Manoel de Barros morre aos 97 anos em Campo Grande

O poeta Manoel de Barros morreu nesta quinta-feira (13), aos 97 anos, em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Ele estava internado há duas semanas no Proncor e havia passado por uma cirurgia no intestino.

O boletim médico divulgado ontem afirmava que o Manoel de Barros estava "em condição clínica instável" e sendo mantido por sedação. Segundo o irmão dele, Abílio Leite de Barros, o poeta não reconhecia mais ninguém e a condição vinha se agravando nos últimos meses.


Em 74 anos de carreira, Manoel de Barros publicou 28 obras, sendo a primeira em 1937 e a última em 2013. Ele recebeu 13 prêmios de literatura, entre eles o Prêmio Jabuti de Literatura, em 1989 e 2002, e o prêmio da Academia Brasileira de Letras, em 2000.

Nascido em 19 de dezembro de 1916, em Cuiabá, Manoel de Barros era advogado, fazendeiro e poeta.

Nenhum comentário: