quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Cosern concede R$ 750 mil de incentivo em bônus para consumidores renovarem motores elétricos


Com o objetivo de proporcionar maior rendimento, eficiência e economia de energia por meio da renovação do parque de motores monofásicos e trifásicos utilizado pelas indústrias, órgãos e serviços públicos, comércio, condomínios residenciais e consumidores rurais do Rio Grande do Norte, a Cosern anunciou nesta quinta-feira (15), um incentivo de R$ 750 mil durante o lançamento do programa “Bônus Para Motores Eficientes”.

Compareceram ao evento no auditório da Cosern cerca de 60 clientes de diferentes classes de consumo interessados em participar da iniciativa. “Os motores elétricos respondem por mais de 40% do consumo de eletricidade no Brasil e a idade média dos que estão em operação é estimada em 17 anos”, explicou Daniel Sarmento, gestor da área de Eficiência Energética do Grupo Neonergia que fez a apresentação do projeto. “Por isso, é importante trocá-los, já que os mais novos apresentam menores perdas elétricas, resultando em economia com energia para o consumidor”.

Além das cinco palestras sobre o tema realizadas ao longo da tarde por diversos representantes do segmento, os participantes receberam uma cartilha com conceitos e orientações para seleção e aplicação de motores elétricos de indução, garantindo seu uso de maneira mais eficiente, bem como todas as explicações técnicas para participar do programa de bônus.

Ao aderir ao programa, cujas inscrições vão até o dia 05 de novembro no site da Cosern (www.cosern.com.br) e passar pela seleção, será firmado um contrato entre a concessionária e o consumidor interessado, que deverá executar a substituição de seus motores elétricos num prazo de até cinco meses.

Com o término da execução da substituição dos motores e apresentação dos documentos comprobatórios à distribuidora, o consumidor receberá o bônus, depositado em conta corrente, que varia de R$ 244,00 a R$ 22.157,00 para cada motor, dependendo da potência nominal. Para evitar que os motores antigos sejam descartados de maneira incorreta ou reutilizados, a Cosern definirá empresas especializadas em fazer o recolhimento.



SAIBA MAIS:
Requisitos para substituição dos motores elétricos
·         Os bônus se limitam a substituição de motores elétricos de indução trifásicos fabricados até 2009 e com potência entre 1 cv e 250 cv, ou a substituição de motores elétricos monofásicos com potência entre 1 cv e 15 cv.
·         Todos os motores antigos a serem substituídos (trifásicos ou monofásicos) deverão estar em operação e possuir regime de funcionamento de no mínimo 3.000 horas/ano.
·         É obrigatório o Selo Procel para a categoria IR2. Somente quando não existir na tabela do Selo Procel, vigente a partir do lançamento da Chamada Pública ou em suas versões posteriores, nenhum motor disponível para a potência/nº pólos selecionado, o motor estará dispensado da obrigatoriedade de deter o Selo.
·         Não é prevista a concessão de bônus para substituição e automação das máquinas acionadas (por exemplo, bombas, compressores). 
·         Todos os motores novos monofásicos e trifásicos deverão atender aos requisitos solicitados no regulamento.
·         Não será permitida a aquisição de motores novos por meio de aluguel ou leasing, ou seja, os motores novos a serem instalados deverão ser comprados e fazerem parte do patrimônio da unidade consumidora.

MAIS INFORMAÇÕES:
Leia o regulamento do programa  e acesse o formulário de inscrição em www.cosern.com.br
Fotos: Cosern/Divulgação

Nenhum comentário: